sábado, 26 de setembro de 2009

Flores e sua utilização na culinária...

A Primavera vem ai! Vamos comer flores?

A primavera também pode estar presente na culinária. São diversos pratos que ganham a beleza e o sabor de calêndulas, cambuquiras, amores-perfeitos, capuzins e até rosas. São as flores comestíveis. Você já usa no dia-a-dia flores em várias receitas, como é o caso do brócolis, a couve-flor e a alcachofra...

Os restaurantes brasileiros gostaram tanto da utilização das flores que até criaram pratos especiais para celebrar a chegada da primavera. Alguns acharam bem interessante manter esses pratos exóticos em seu cardápio durante todo o ano.

Tipos de flores comestíveis:

Flor de Calêndula: originária da região centro sul da Europa e da Ásia, suas pétalas são utilizadas frescas em saladas, em crepes ou como corante eficiente em muitos pratos. O miolo não é comestível.

Flor de Borago: nativa do norte da África cujas flores são freqüentemente utilizadas em saladas ou glaçadas e utilizadas em bolos e sobremesas. Deve ser sempre utilizado fresco para não perder suas propriedades.

Nastúrcio ou capuchinha: nativa do Peru, suas flores e folhas possuem um gosto picante, são riquíssimas em vitamina C e muito valorizadas pelos restaurantes finos, que servem as servem em saladas nutritivas e atraentes. Rica em vitamina C e seu sabor é picante, lembrando o do agrião.

Amor-Perfeito ou viola tricolo: nativa da Europa e Ásia Ocidental, ajuda a estimular naturalmente o metabolismo e é usado em saladas ou sobremesas.

Rosa: é rica em vitaminas e confere um aroma irresistível a todos os pratos que acompanha, sua utilização é mais presente em caldas doces.

Fonte: Internet.





















Jornal O Tempo do dia 25/09.

Nenhum comentário:

Postar um comentário