segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Centro Cultural Aúthos Pagano...














Em maio de 1982, quando foi inaugurado o Centro Cultural e de Estudos Superiores Aúthos Pagano, a cidade de São Paulo recebeu mais uma opção de cultura e lazer. Durante esses 25 anos, ele ofereceu à população inúmeros eventos artísticos.
Para celebrar o 25° aniversário, o Centro Cultural realiza de 23 a 28 de outubro diversas atividades culturais como saraus, recitais, shows e palestras.
O Centro foi no passado a casa de Aúthos Pagano e de sua mulher Carmela Pagano, que doou a residência, após a morte do marido, ao governo do Estado de São Paulo, sob a guarda da Secretaria de Estado da Cultura.
O objetivo era criar naquele espaço um ambiente cultural.
O local recebeu o nome do professor, filósofo, economista, bacharel em Direito e autor de inúmeros livros e artigos Aúthos Gloi Ischiros Mateo Domingo Pagano, que nasceu em Montevidéu e veio muito jovem estudar no Brasil, país que adotou.
A esposa do intelectual cedeu também à Secretaria a biblioteca do marido com mais de 10 mil títulos de temas como direito, economia, matemática, física e astronomia. Segundo ela, a biblioteca era o local onde o professor passava a maior parte do tempo, estudando e escrevendo.
Em 1963, quando o casal comprou a casa, no bairro da Lapa, não sabia que ela fora projetada pelo renomado arquiteto modernista russo Gregori Warchavchik, que teve em seus escritórios jovens arquitetos como Oscar Niemeyer.
O imóvel foi considerado posteriormente de interesse arquitetônico da cidade e é preservado pela Lei Municipal 8759, de 7 de julho de 1978.
Atualmente, o Centro Cultural é administrado pela Associação Paulista dos Amigos da Arte (APAA).
Para a diretora do espaço, Suely da Costa Elias, as atividades culturais abrem um rico universo para os freqüentadores do Centro.
“Os nossos visitantes passam a ler peças de teatro e a se interessar pelos temas debatidos nos eventos”, acrescenta.

Cento Cultural Aúthos Pagano
Rua Tomé de Souza, 997 - Alto da Lapa
São Paulo

Fonte: Internet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário