terça-feira, 13 de abril de 2010

Cinema brasileiro pega a febre espírita - By: Pipoca Moderna...

“Nosso Lar” (1942), livro psicografado por Chico Xavier, que já vendeu mais de 1,5 milhão de exemplares, foi adaptado pelo cineasta Wagner de Assis (roteirista de quatro filmes da Xuxa!) e também chega em setembro aos cinemas.
O livro foi considerado polêmico nos anos 40, por ser o primeiro a abordar a mediunidade de forma aberta. Ele é a inspiração assumida da novelista Ivani Ribeiro na criação da novela “A Viagem”.
O longa mostrará os primeiros anos do médico André Luiz após sua morte, em outro “plano espiritual”. Com produção da Fox, teve efeitos especiais produzidos na América do Norte (pela mesma empresa que fez os efeitos de “Watchmen”), fotografia de Ueli Steiger (dos filmes “10.000 A.C.” e “O Dia depois de Amanhã”) e trilha sonora do compositor Philip Glass.












O elenco conta com Renato Prieto, Othon Bastos, Rosanne Mulholland, Fernando Alves Pinto, Inez Viana, Rodrigo dos Santos, Clemente Viscaíno, além das participações especiais de Paulo Goulart, Ana Rosa e Werner Schünemann. Veja o trailer aqui.
O espírito do médico André Luiz também está no livro psicografado “E a Vida Continua” (1968). Esta obra de Chico Xavier rende outra adaptação cinematográfica que chegará às telas em 2010. O filme tem direção do ator Paulo Figueiredo, que é adepto da doutrina e dirigiu o drama “O Médium” em 1983.
Há ainda o projeto “O Livro dos Espíritos”. Em 2009, a Mundo Maior Filmes, ligada aos trabalhos da Fundação Espírita André Luiz, lançou um concurso para o desenvolvimento de roteiros de curtas-metragens baseados na filosofia de Allan Kardec. O plano original prevê o lançamento da antologia em outubro.
















Além dos filmes, o espiritismo também terá destaque numa novela e num seriado da Rede Globo. A novela “Escrito nas Estrelas”, que estreia na próxima segunda (12), vai falar de um jovem morto (Jayme Matarazzo) que tenta se comunicar com o pai (Humberto Martins).
Para o segundo semestre, vem a série “A Cura”, de João Emmanuel Carneiro (autor da novela “A Favorita”). Na trama, Selton Mello vive um médium que realiza cirurgias espirituais no interior de Minas Gerais e enfrenta o questionamento da comunidade científica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário